Sexta-feira, 16 de Setembro de 2011
Nambuangongo - Astear da Bandeira

Astear da Bandeira  
 Na alvorada a formatura iniciou ...  e a pouco e pouco lá fomos arrumando as filas ...alguns ainda mal lavaram os olhos, outros ainda vêm a sonhar com a Brigitte... as camisas sem botões ou desabotoadas, os colarinhos enrolados e algumas botas sem atacadores, mas a não ser os doentes e os sentinelas , todos lá estavam...
As vozes de comando começaram a ouvir-se  ...

 Atenção Companhiiiiaaaaaa.. ...Seeeeeeent...ouppppp........... Onbrooooooo... hhharmaaa... corneteiro... tennn  ten ten tatammm.....Tamtamtam ten ten ten ten ..... Apresentar AAAr...maHHHH.... 

A Bandeira... é colocada e inicia a sua ascenção... lenta...lentamente.
Alguma coisa ferve no nosso íntimo...
O corneteiro ensaia e desenvolve o seu toque de astear....
A companhia inteira perfilada com o apresentar de armas ... o sol a saír da Beira Baixa  ou do Canacassala...   
De repente inicia-se o côro das carpideiras...

UUUUUUAAAUUUUIIIIIIOOOOOUUUUUUU  ......UUUUUHHHHIIIIIIooOOOOiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu .............................


Ao lado da companhia como soldados valentes , cantavam o seu hino...sentados , os nossos 83 cães....rafeiros....

 Era lindo..... 

  Sebastião Pires

 

Crónicas de Nambo 32 anos depois...

   

 


</font>



publicado por bcac3869 às 16:38
link do post | favorito

links
links
blogs SAPO